• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • O Ministério Púbico do Trabalho (MPT) lançou a campanha de conscientização para incentivar a inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. A campanha foi criada por ocasião do Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência – 21 de setembro, conhecido também como “Dia D” – e é composta por imagens e vídeos para difusão em redes sociais pelas unidades do MPT de todo o país.
  • O procurador Carlos Eduardo de Azevedo Lima tomou posse na tarde desta segunda-feira (2/10), em Brasília (DF), como novo procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB). A solenidade de posse dos novos procuradores-chefes das 24 Procuradorias Regionais do Trabalho aconteceu na sede da Procuradoria-Geral do Trabalho (PGT), na Capital Federal.
  • A campanha “Trabalho Infantil: Se você cala, não para”, do Ministério Público do Trabalho (combate ao trabalho infantil) ganhou 10 prêmios no Prêmio Pernambuco de Propaganda, entre eles, quatro de ‘ouro’ e o troféu de Grand Prix da Publicidade.
  • O Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB) divulgou nessa quarta-feira (4/10) o edital contendo o regulamento regional do Prêmio MPT na Escola 2017, que premiará os melhores trabalhos literários, artísticos e culturais produzidos pelos alunos de escolas participantes do projeto no Estado.
  • O Ministério Público do Trabalho (MPT) vai oferecer o curso gratuito para capacitar conselheiros tutelares e outras pessoas que integram a rede de proteção à infância em todo o País, as incrições iniciam em outubro
  • MPT abraça Campanha do Novembro Azul

MPT abre seleção para estágio remunerado

Inscrições começam nesta segunda-feira, dia 11 e prosseguem até 22 de setembro

 

Começam na próxima segunda-feira (11/9) e se estendem até o dia 22 de setembro, as inscrições para a seleção de estagiários para atuarem no Ministério Público do Trabalho em João Pessoa e Campina Grande.

Podem se inscrever estudantes dos cursos de Administração, Comunicação Social, Direito e Informática, de instituições de ensino superior conveniadas com o MPT-PB, que tenham concluído no ato da inscrição pelo menos 40% da carga horária ou dos créditos necessários para a conclusão do curso superior, independente do semestre em que esteja formalmente matriculado, conforme descrito no ítem 1.4.2. do edital.

Segundo o procurador do Trabalho Cláudio Gadelha, os estudantes interessados não devem se impressionar com o fato de o edital constar apenas cadastro de reserva. “Pois as contratações acontecem imediatamente à conclusão do curso de cada um dos atuais estagiários. Por exemplo, no final de 2017, teremos algumas graduações, e assim por diante. O importante é se inscrever e estudar”, ressaltou Gadelha, coordenador Regional de Estágio Acadêmico do MPT-PB.

“Para nós do MPT é sempre gratificante oferecer oportunidade de estágio em nossas unidades. Nesse processo seletivo, a expectativa é de que contratemos estagiários de Direito, Comunicação, Administração e Informática para João Pessoa, além de estagiários de Direito para a PTM de Campina Grande”, ressaltou o procurador Cláudio Gadelha.

Bolsa -O valor da bolsa é R$ 850,00, além de auxílio transporte no valor R$ 7,00 por dia. O estagiário terá que cumprir uma jornada de quatro horas diárias, totalizando 20 horas semanais. A data provável da seleção é dia 8 de outubro, das 9h às 13h.

Inscrições - Os candidatos interessados devem acompanhar o processo e o edital de abertura das inscrições, no link : http://www.prt13.mpt.mp.br/informe-se/estagio-nao-obrigatorio

Para se inscrever, o estudante precisa estar matriculado em uma das instituições de ensino conveniadas (Asper, Cesrei, Facisa, Maurício de Nassau, Unipê, FAP, FIP, IFPB, Fatec/Iesp, Sedub/Fesp, Unesc, UEPB, UFPB e UFCG).

 

Mais informações podem ser obtidas pelo número (083) 3612-3100.

 

Fonte: Ascom / MPT-PB

 

Imprimir

  • banner pcdlegal
  • banner abnt
  • banner corrupcao
  • banner mptambiental
  • banner transparencia
  • banner radio
  • banner trabalholegal
  • bunner yt ok
  • Portal de Direitos Coletivos
  • nr